“Não luto por objectivos mínimos” – Fernando Sá

Fernando Sá aponta para um percurso ambicioso
Fernando Sá não é um treinador qualquer. Em Guimarães, o professor já mostrou ter capacidades para liderar uma equipa com ambição. Ambição que marca todo o seu discurso em qualquer momento da época. No arranque da preparação à nova temporada desportiva, o treinador vitoriano parece confiante no valor da equipa que formou e explica porquê:”Não tinha grandes dúvidas sobre as qualidades dos atletas. Eu e a Direcção fizemos um esforço para reunir jogadores com os quais me identifico. Tentei reunir que já se identificasse entre si para se tornar mais fácil a integração de cada um. Parece-me que estão criadas todas as condições para fazermos uma boa época”.
Com a chegada dos norte-americanos, Kevin Martin, Brandon Brown e Nolan Richardson IV, o plantel vitoriano está fechado. A aposta no mercado além-fronteiras é “sempre um risco” mas Fernando Sá mostra hoje mais confiança na escolha dos seus atletas. “É um risco tremendo a contratação dos norte-americanos. A oferta é muito grande mas nós tentamos reduzir ao máximo esse risco. No ano passado as coisas correram bem e esperamos que a tendência seja para melhorar. O Kevin já conhece o campeonato português e terá uma adaptação mais fácil”, comentou.
Com entradas e saídas, o plantel vitoriano mantém a ambição de marcar presença nas finais de todas as provas. “Sou uma pessoa extremamente ambiciosa. Não sou capaz de lutar por objectivos mínimos. É isso que procuro transmitir aos meus atletas. Vamos encarar o campeonato com uma ambição muito grande”, atestou o técnico. E é já no arranque do campeonato que a equipa vitoriana defronta “os grandes” da modalidade. FC Porto e SL Benfica são os primeiros adversários da formação de Fernando Sá. “Vai ser um início muito complicado. São dois adversários com planteis fortíssimos mas vamos tentar começar com duas vitórias. Já o fizemos no passado e podemos voltar a fazê-lo”, concluiu.

  Categories: