Castigos da Liga ao Vitória Referentes À Jornada 11!

A jornada 11 da Liga Zon Sagres, ficou marcada pelo triunfo do Vitória sobre o seu homónimo de Setúbal, e que desse modo tentou afastar o “espírito” que reinou nas Aves, somando, assim, uma série de três triunfos consecutivos.

Apesar da soma dos três preciosos pontos, o Vitória também “somou” uma multa de 400€ com repreensão por escrito, através da aplicação do artigo nº 94º 1) e 2) do Regulamento de Competições da LPFP.

Ora, passamos então a transcrever o artigo:

Artigo 94.º – Do atraso do início ou reinício dos jogos
1. Os Clubes cujas equipas impeçam o árbitro de dar início a um jogo oficial à hora marcada ou procedam em termos de o intervalo entre o fim da primeira parte e o início da segunda exceder 15 (quinze) minutos, serão punidos com a pena de advertência e multa acessória de € 200 (duzentos euros).
2. Em caso de reincidência, os Clubes serão punidos com a pena de repreensão por escrito e multa acessória de € 400 (quatrocentos euros).

Curioso, como em tempos de aperto financeiro, continuamos a somar multas desnecessárias.

Mas verdade seja dita, seja o que for que nos mais de 15 minutos permitidos para intervalo, a equipa técnica e os jogadores têm feito dentro do balneário, tem resultado e o Vitória tem arrancado boas exibições nas segundas metades dos desafios.

Também, penalizados foram os jogadores Barrientos com 100,00€ de multa (3º amarelo), N´Diaye com uma repreensão por escrito e 125,00€ de multa (4º amarelo), e João Paulo com suspensão de 1 jogo e multa de 150,00€ (5º amarelo).

  Categories: