Espírito Conquistador precisa de um “ F5 “ [FOTOS AVS]

O Vitória empatou, esta noite, a dois bolas, contra o Olhanense.

A equipa da casa até entrou bem, mais pressionante, com mais posse de bola e outras estatísticas favorecedoras.

Aos 7 minutos, Urreta faz o primeiro golo da partida, numa boa jogada da turma vitoriana.
Aos 19 minutos, uma vez mais, Urreta, em grande plano, faz um excelente trabalho, passando por vários defesas do Olhanense, arranca o cruzamento, mas Edgar não conseguiu encostar, depois de um toque da defensiva algarvia.
Um minutos depois, a resposta do Olhanense, em contra-ataque, um bom remate, mas Nilson estava atento, com uma defesa a dois tempos. Em seguida, o primeiro cartão da partida saiu do bolso de Vasco Santos, para Mexer, depois de uma falta sobre Bruno Teles.
Aos 41 minutos, canto na esquerda, para João Alves marcar, e Defendi, de cabeça, faz o segundo golo da partida !

Intervalo no D. Afonso Henriques, houve sempre mais Vitória na primeira parte.

Regressam as equipas para o segundo tempo, e o Olhanense reduz para 2-1, aos 8 minutos, N’Diaye falha a intercepção e Dady, coloca a bola no fundo das redes. Apenas um minuto depois, balde de água fria em Guimarães, Olhanense empata a partida, depois de um cruzamento tenso, e de primeira, Wilson Eduardo factura.
Rui Vitória lança Paulo Sérgio na partida, aos 15 minutos. Dez minutos depois é Barrientos que entra. Oportunidades de golo escassas de ambas as partes.
Aos 30 minutos, Cauê, leva o segundo amarelo e é expulso da partida.
Em seguida, Alex, no corredor direito, tira um bom cruzamento, Edgar cabeceia, mas Fabiano esteve bem. Mais um homem para a frente, entra Soudani. Aos 88 minutos, Toscano cai na área, levanta-se o público vitoriano, mas Vasco Santos entendeu não haver motivo para marcar o castigo máximo.
O Vitória empata assim na partida, num jogo que não soube a nada …

FOTOS AVS :