Júlio Mendes Ao Ataque!

jmendes

Júlio Mendes, presidente da direcção do Vitória SC, passou ao ataque.

Numa conferência de imprensa, em que considerou que o Vitória foi alvo de uma armadilha, por agentes da PSP estarem presentes na bancada dos adeptos rivais e nada ter feito par evitar o deflagrar dos incidentes.

Aliás, Júlio Mendes acusou o sub-intendente Daniel Mendes de estar sentado na bancada e quando interpelado ter dito que não se encontrava ao serviço e que não havia sido requisitado policiamento, pelo que ele e demais homens da sua corporação deixaram ocorrer os desacatos, só intervindo na sua sanação oito minutos depois dos mesmos terem deflagrado.

Propondo a Miguel Macedo, ministro da Administração Interna, não deixou, também, de lançar um remoque a António Salvador para realizar um inquérito interno para punição dos infractores pertencente ao clube rival.