Leiria 0 – Vitória 1

Photo @ MaisFutebol.iol.pt

O Vitória venceu esta noite o Leiria, no jogo que inaugurou a 20ª jornada do campeonato.

Não existe muito para dizer deste jogo, para além do único jogo da partida, apontado por João Alves à passagem da meia hora, com um remate colocadíssimo, do meio da rua. Como diria um treinador que em tempos passou pelo Vitória, foi um jogo entretido…

A primeira parte foi praticamente dominada pelo Vitória, que apesar da maioria de tempo em posse de bola, continua a não ter consistência na transição defesa ataque, e Manuel Machado insiste e persiste de não colocar o 10 de raiz que mantém no banco, Rui Miguel.

Se os primeiros quarenta e cinco minutos foram dominados pelo Vitória, já dos segundos não se poderá dizer o mesmo, onde a equipa da casa apareceu a jogar muito mais futebol que o Vitória, e a criar muitas mais ocasiões de perigo, valendo-nos o santo Nilson na baliza, que hoje, e mais uma vez, mostrou o porquê de ser o melhor guarda-redes a actuar em Portugal.

No cômputo geral, o jogo valeu pelos três pontos, que deixam o Vitória a morder os calcanhares de uma das equipas da segunda circular e com uma maior vantagem sobre o adversário de hoje.

Manuel Machado no final disse e muito bem que “Estivemos muito abaixo do que é exigido a uma equipa que está em quarto ao lugar” ou como diria um ex-jogador do Vitória foi um jogo com tranquilidade, bem acompanhado pelo “Coração da Minha”…

Na próxima sexta-feira à noite, o Vitória volta ao D. Afonso Henriques, para defrontar o Coimbra, num jogo que se adivinha uma boa meia casa nas bancadas do estádio do Rei…