Opinião Carlos Ribeiro: Talvez… mas não seria a mesma coisa

São já vários os anos que me ligam a este portal. Primeiro apenas como leitor ou simples forista, depois como colaborador e membro da direcção e finalmente como cronista. Esta quinta-feira em dia de eleições e mudança de rumo da AVS, resta-me aproveitar este espaço para um agradecimento especial.

A todos aqueles que saem hoje pela porta grande da AVS depois de vários anos de profunda dedicação, ajudando a fazer deste espaço, um local de passagem obrigatória, de qualidade indiscutível e, sem qualquer margem para dúvidas, o melhor e mais completo espaço afecto ao nosso clube.

O sítio não oficial, gerido por amadores, fez ao longo destes tempos corar de vergonha o sítio oficial do clube, com um acompanhamento ímpar quer ao futebol profissional, quer a todas as modalidades amadoras. Sempre um passo à frente no aproveitamento das redes sociais e dois ou três na dedicação e profissionalismo.

Daí que tenha guardado este meu último texto, que coincide com estas eleições para esse obrigado a todos aqueles que hoje saindo contribuíram decisivamente para o sucesso deste espaço nos últimos anos. Entre muitos, permitam-me cometer a ousadia de destacar o extraordinário trabalho do Pedro na actualização diária deste portal ou do Agostinho e da Filipa no acompanhamento de tudo o que respirou Vitória. E o meu natural obrigado, pelo honroso convite de aqui ter colaborado ao longo dos últimos anos.

Finalmente, fica o meu desejo para que, quem se seguir saiba estar à altura das exigências que o próprio sítio criou e da importância que a associação tem no mundo vitoriano. E que, no que à informação diz respeito, que este sítio continue a ser de passagem obrigatória para quem segue diariamente o Vitória, pela internet.
Porque se me perguntarem se seria possível ter acompanhado o Vitória ao longo destes anos sem este portal, talvez diga que sim. Mas não seria, decididamente, a mesma coisa.

p.s. No que ao Vitória diz respeito, confesso que para já o tempo ainda vai sendo para perceber o real valor do plantel que se vai formando e transformando. Confio nas escolhas de Manuel Machado, assim lhe possam dar margem de manobra para tal. Dos conhecidos, subscrevo as escolhas, dos outros resta-me aguardar expectante. Vi o jogo em Fão, mas naturalmente nada esperava, tendo em conta a prematuridade da temporada. Daí que ficarei a aguardar os próximos encontros. E claro, que o futuro próximo não nos reserve mutilações importantes em mais pedras preponderantes do plantel.

Carlos Ribeiro
http://ovimaranes.blogspot.com/

  Categories: