[Seniores Femininas Voleibol] Juv. Pacense 3–1 Vitória SC

Era um jogo que já se esperava que fosse complicado, tal como tinha sido na receção à mesma equipa, devido à força defensiva da equipa de Paços de Ferreira. No entanto acabou por ser um jogo para esquecer por todos os motivos.

O Vitória alinhou com 1-Diane, 2-Beta (capitã), 3-Cátia, 7-Joa, 9-Telma Nunes, 10-Patricia Teixeira, 11-Sónia, 12-Raquel Maia, 13-Patricia Fernandes, 14-Telma Silva, 16-Elsa, 18-Raquel Costa.

Um jogo muito equilibrado desde o inicio, mas que no primeiro set foi sempre dominado pela equipa vitoriana, que acabou por ganhar sem grande esforço por 21-25.

Este era um bom começo, mas no segundo set a equipa da casa entrou muito forte, ganhando de inicio uma larga vantagem, perante a estranha passividade vimaranense. A recuperação acabou por acontecer a meio do set e quando se pensava que iam tomar conta do jogo, tal não foi conseguido, com as pacenses a serem mais fortes nas vantagens e a triunfar por 26-24.

Desmoralizadas e apáticas, no terceiro set as conquistadoras voltaram a entrar muito mal, novamente com uma grande desvantagem, que só iriam recuperar perto do final do set (6 pontos recuperados), no entanto, a equipa da casa foi novamente mais forte e confiante na fase derradeira, acabando à primeira por 25-23.

Ainda não estava tudo perdido, e pelo menos um ponto era necessário para segurar o terceiro lugar do campeonato. Para tal, no quarto set, o Vitória volta a entrar bem, a dominar e controlar, embora nunca jogando bem, nem com a determinação que lhe é habitual, e tal foi fatal.
Perante uma equipa moralizada não foi possível manter a vantagem, e quando o jogo se encontrava mal parado ficou ainda pior, com um lance aparatoso, que provocou muitas dores a duas atletas do nosso clube, que tiveram de ser assistidas e substituídas, provocando então o desnorte total nas suas companheiras que não mais se conseguiram concentrar.
De realçar que uma teve mesmo de se deslocar ao hospital para despistar qualquer fratura, tendo sido comprovado que não é nada de grave, esperando-se que volte rapidamente.

Uma derrota pesada, que tira toda a margem de erro, mas que só tem de unir mais este grupo, porque só assim será possível derrotar os próximos adversários e voltar ao terceiro lugar, que garante a presença na próxima fase do campeonato.

Na oitava jornada a formação vimaranense jogará em casa, no pavilhão de Fermentões contra o Boavista (Sábado às 15h), para demonstrar toda a sua garra e qualidade. É esperado o apoio de todos como sempre e como hoje, e muito mais.

Por cada um de nós, pela Telma e por todos nós, Força Vitória.

  Categories: