Soudani… Conheça Melhor O Goleador! [VÍDEO]

Não se pense que o folhetim N’Djeng foi totalmente em vão!

Com efeito, e apesar do malogro na aquisição do possante atacante que foi roubado pelo Espérance, o Vitória descobriu o seu substituto.

O seu nome é Soudani, tem 23 anos e joga no AS Chief, que se sagrou campeão nacional à frente do JSM Bejaia. Aliás, o jovem ficaria, também, à frente da estrela do vice-campeão, N’Djeng, na lista de melhores marcadores, apontando dezoito golos – foi o melhor marcador do campeonato – contra os dezasseis tentos do homem que veio conhecer Guimarães e partiu.

Com efeito, o novo alvo é das mais excitantes promessas do novo futebol das Raposas do Deserto e um alvitrado sucessor de nomes como Rabah Madjer, Tasfaout ou Djebbour.

E, diga-se que parece ter tudo para deixar marcas… do alto do seu 1,82m, parece controlar todo o espaço de acção, nunca perdendo a pinta de goleador, apesar de por várias vezes preferir entrar embalado de zonas mais recuadas, apanhando totalmente desprevenidos os defesas opositores.

Além disso, apesar de, ainda, necessitar de muito trabalho de aprofundamento das suas qualidades, parece ter os requisitos essenciais para se afirmar em qualquer futebol: bom jogo aéreo, apesar de não ser tão longilíneo como muitos pontas de lança, e com a potencialidade de actuar com ambos os pés, não escolhendo algum deles na hora de alvejar as redes contrárias!

A acrescer a estas qualidades, tem no corpo e na alma a tradicional codícia norte-africana… um jogador raçudo, que jamais dá um lance por perdido e que lhe permite colocar a cabeça em água ao mais incauto dos defensores!

Apesar desses bons atributos, já tentou em Junho sai para o futebol europeu, mais propriamente para o francês… em período de testes com o Le Mans, da segunda divisão, os mesmos não lhe correram de feição e haveria de retornar à terra mãe…para agora assinar pelo Vitória com a esperança de vir a ser um goleador da estirpe de Paulinho Cascavel ou Marek Saganowski.

A ver vamos… mas, a verdade é que naquelas botas encontra-se, quiçá, o resgate do futebol argelino, caído em desgraça desde o Mundial 86 no México e como se viu no último certame desta igualha, na África do Sul, carente de um buteur… na selecção, Halihodzic, o seleccionador de nacionalidade bósnia e velha raposa já apostou nele…será o Vitória, o próximo a recolher os lucros de apostar num avançado com tanto potencial futuro? Esperemos que sim!