Uma Associação De Vitorianos… Ainda a Propósito do Benfica-Vitória!

 

Antes de mais, importará referir que a Associação VitóriaSempre é feita por vitorianos e para vitorianos…

Naturalmente, e ninguém esperará isso , impenderá sobre nós um dever férreo de isenção…somos vitorianos e como os que nos lêem vibramos com as vitórias e ficamos deprimidos e vociferamos nas derrotas, mas sem  nunca nos afastar do nosso objectivo único: fazer o melhor pelo Vitória.

E, sempre, temos procurado fazer isso: umas vezes de forma mais sóbria, outra mais eufórica, outras mais abatidas, outras, ainda mais, coléricas, mas sempre com a tranquilidade de estarmos entre família, sem os deveres de imparcialidade que obrigam as publicações nacionais e que, ainda ontem, esta Associação lutou, criticando acerrimamente o jornal A Bola.

Servem estas palavras, a talho de foice, para explicar o artigo do Benfica-Vitória… naturalmente, foi escrito com os nervos à flor da pele próprios de uma derrota provocada pelo homem do apito, num campo por demais inclinado! E isso foram factos relatados!

Quanto às opiniões sobre a equipa do Vitória refira-se que, inexplicavelmente, esta temporada os vitorianos andam demasiado calados. Apesar de, desde o início da temporada a opinião corrente ter dado a entender que era necessária paciência, os maus resultados e as péssimas exibições têm sido sempre abafadas porque a equipa é nova, não tem entrosamento, porque desinvestimos e todos os argumentos possíveis e imaginários… de modo a esconder que temos o quinto maior orçamento do campeonato – independentemente de serem contratos antigos, mas se os jogadores auferem tais vencimentos deve-se sempre pressupor que a qualidade é proporcional -, que temos obrigação de vencer o Estoril e, pelo menos – ao que isto chegou! – não perder com o eterno rival em casa.  E, a propósito, não sair sempre goleados dos terrenos dos candidatos ao título  e com, apenas, um remate no bornal!

E desses todos factores, surgiu uma crónica plena de revolta, mas também, com opiniões pessoais…e por isso é que é crónica, pois ao lado do aspecto noticioso existe uma forte componente pessoal de modo ao escriba demonstrar o que sentiu!E estando este revoltado pela péssima arbitragem, pelo ódio que sente pelo clube rival e com o coração ensanguentado por tão triste exibição, o resultado foi óbvio!

Lamentamos que alguns leitores se tenham sentido ofendidos…não era essa a intenção, muito menos tratar mal um clube que tanto amamos… mas verdade seja dita, jamais embarcaremos na presente política de desculpabilização que vai sendo vigente na nossa cidade.

Além disso, por esta Associação, como o nosso país, ser democrática, as nossas opiniões serão livres e da responsabilidade de quem as escreve, mas sempre procurando com essas a melhoria do clube, da equipa. Agora, nunca seremos cegos nem nunca deixaremos de dizer o que nos vai na alma e que é coincidente com o estado de espírito do clube: ora branco como a cor da camisola, ora cinzento como ontem!

Agora, a verdade é que se sentem incomodados com a sinceridade e singeleza das opiniões haverá um bom remédio…quem escreve no sítio desta Associação, independentemente de todos vitorianos dos sete costados, sentir-se-à limitado já que não poderá nas crónicas expor o seu ponto de vista, não poderá expor os aspectos negativos – por muito que lhe custe – e deverá prover um mero flash noticioso como as notícias de rodapé dos boletins noticiosos das televisões.

E se for essa escolha, estaremos dispostos a seguir essa vossa escolha…

Porém, humildemente, vos digo que com isso perderemos o que sempre caracterizou este espaço…perder-se-à familiaridade…perder-se-ão os elos que faz compreender que são vitorianos que escrevem para vitorianos…e vitorianos dos bons – passe a imodéstia – que sentem o clube e que por muita vontade que tenham não conseguem, sempre, manter a distância que uma análise permite… mas o facto de, supostamente, se estar entre família – julgava eu -permitiria isso!

Atendendo a isso e pedindo desculpa se a crónica Benfica-Vitória causou desconforto diremos que se não for esta a linha editorial pretendida, a Associação VitóriaSempre estará disposta a alterá-la passando a ser um mero sítio noticioso, onde o sentir vitoriano se limitará a relatar resultados de modo a não ser incómodo para ninguém.

Quanto a mim, que fui o autor da famigerada crónica, saibam que acato as vossas críticas com humildade e não terão necessidade, novamente, de ler os meus escritos, pois não mais o farei nesse sítio, ainda que tenha alertado na mesma que eram desabafos de um vitoriano.

Continuarei o meu caminho sempre pugnando por um Vitória maior, mas noutros locais e  dando a opinião conforme ache melhor e independentemente de agradar ou não!

Pelo Vitória Sempre!

Até sempre…

  Categories: