Vitória de garra e ambição

@ ojogo.pt

@ ojogo.pt

O Vitória venceu o FC Porto por 1-0, num jogo a contar para a 18ª jornada da Primeira Liga Portuguesa. O golo do triunfo foi apontado por Bouba Saré, aos 4 minutos.

A noite adivinhava-se fria e chuvosa, mas no D. Afonso Henriques o ambiente foi, como é habitual, quente. Sérgio Conceição mudou o sistema tático e lançou algumas novidades no onze. Uma delas, Tyler Boyd, esteve em evidência logo aos 14 segundos, ao ficar muito perto do 1-0 depois de um cruzamento de Valente.

A ambição dos jogadores vitorianos fez com que os adeptos não tivessem que esperar muito tempo pelo golo inaugural. O remate de Cafú sofreu um desvio, Bouba Saré não desistiu do lance e beneficiou de um erro do guarda-redes azul e branco. 1-0 aos 4 minutos.

O Vitória entrou muito bem na partida e ainda dentro dos primeiros 10 minutos podia ter ampliado a vantagem num lance em que nenhum jogador do Vitória conseguiu finalizar à boca da baliza.

A partir daqui, e até ao final, o Vitória adotou uma postura mais defensiva, fechando os espaços da baliza de Miguel Silva (que voltou a fazer uma exibição segura) e fez da garra a sua maior arma. O Porto teve mais bola e mais domínio territorial mas ficou sempre a ideia de que com mais discernimento no momento da transição, o Vitória podia ter ampliado a vantagem.

Foi o terceiro triunfo caseiro do Vitória, a segunda da era Sérgio Conceição, o que permite à equipa vimaranense subir ao 6º lugar da tabela classificativa, a apenas 3 pontos dos lugares de acesso à Liga Europa. No próximo domingo, às 16h, o Vitória desloca-se ao Restelo para enfrentar o Belenenses.