Vitória derrotado pela Fonte do Bastardo! [FOTOS]

Mais uma vez o resultado negativo aconteceu  e novamente pela margem máxima sendo os parciais de 17-25 ; 21-25 e 19-25. Se a derrota frente ao Vilacondense foi inesperada, já a desfeita de hoje não produz tanta surpresa quanto isso.

Este domingo, o Vitória teria de se apresentar bem melhor que ontem já que os açorianos da Fonte do Bastardo possuem um plantel de enorme qualidade com variedade de soluções. A atitude dos atletas comandados por Allan Cocato foi diferente para melhor porém tal não foi suficiente para superar os ilhéus.

O 1º set foi aquele que registou o maior desnível no resultado de entre todos os parciais. Os 8 pontos de desvantagem (17-25) são o resultado da incapacidade do Vitória contrariar o bloco e o ataque açoriano. Os homens de Alexandre Afonso dominaram sempre o parcial sem que nunca os branquinhos conseguissem aproximar-se.

A equipa do Vitória reagiu bem no 2º parcial entrando em bom plano, mais concentrada e mais certeira nas suas acções. Foi um set mais renhido e disputado. Os branquinhos conseguiram esbater uma desvantagem de 5 pontos para equilibrar o marcador com 21-22. Infelizmente a equipa da casa nao conseguiu contrariar a Fonte do Bastardo e estes foram mais fortes conseguindo fechar a seu favor com um 21-25.

O regresso de Gilson França e João Fidalgo a Guimarães foi saudado pelo público presente em bom número no pavilhão. Ambos foram mais felizes após um 3º set no qual o Vitória não conseguiu reagir ao seguimento negativo do encontro. Após o 2º tempo técnico deste set no qual o placar marcava 8-16 os branquinhos ainda conseguiram dar um ar de sua graça recuperando 3 pontos para os 12-16 mas foi alegria de curta duração. A Fonte do Bastardo é um conjunto forte com outro tipo de soluções e sem surpresa fechou o set com 6 pontos de vantagem.

Os resultados do fim-de-semana não devem desanimar em demasia os atletas e os adeptos vimaranenses. A equipa está em formação e há recursos humanos para a curto/médio prazo se poder ver um Vitória mais capaz e a obter resultados mais felizes. O treinador Allan Cocato tem muito trabalho para efetuar e tem de ter a força para arriscar nos jovens do plantel sem receios. O futuro está nesses elementos!

No próximo sábado o Vitória joga em Espinho frente à Académica local pelas 15:30 horas.

FOTOS AVS :