Vitória diz adeus ao 1º lugar com derrota em Espinho

O Vitória viu hoje o Sp. Espinho fugir-lhe definitivamente no topo da classificação do nacional A1 em voleibol. Com a derrota no velho pavilhão do campeão nacional. O Vitória hipotecou todas as hipóteses que lhe restavam – já eram poucas – de terminar a fase regular na liderança, e, atenção, pode ainda ser ultrapassado na classificação pelo Benfica, que a julgar pelos encontros que ainda faltam, parece ser o cenário mais certo.

Esta tarde o Vitória até jogou bem, mas o Sp. Espinho com uma defesa muito segura, contrapôs um bom ataque vitoriano. Miguel Maia, sempre ele, comandou a sua equipa para um triunfo fácil no primeiro parcial, por 25-19.

No segundo set o Vitória apareceu em jogo e impôs-se por 25-22. O parcial foi sempre muito equilibrado, mas na recta final a nossa equipa disparou para o empate, justo.

O terceiro parcial voltou a ter o desígnio do equilíbrio, ora com uma equipa na frente ora com outra. O Espinho, com algumas decisões duvidosas da arbitragem, e com alguns erros no ataque vitoriano, aproveitou para fechar com 25-22.

O quarto e último set foi diferente. O arranque vitoriano foi péssimo, tendo estado com desvantagens de 4 pontos. Ainda chegou a diminuir distâncias, mas erros crassos acabariam por deitar por terra a esperança em adiar a decisão para a negra.

O Vitória sofreu deste modo a quarta derrota da temporada – duas com o Benfica e uma (surpreendente) com o Esmoriz e Sp. Espinho – dizendo adeus ao lugar mais alto da classificação.

Seja como for nada está perdido e a ideia com que se ficou é que o Vitória está a crescer. Que assim seja e que nos Play-offs, que estão já aí, o Vitória seja um conquistador, capaz de repetir o êxito de há duas épocas.

  Categories: