Vitória – Nacional (Antevisão)

Questão Técnico-Tática

Após os jogos das Taças, o Vitória volta a jogar este domingo para a Liga, tendo a visita do Nacional ao Estádio do Rei. Será uma partida que colocará frente a frente dois candidatos á Liga Europa, e que marcará novamente o reencontro de Manuel Machado com o seu ex clube.
Espera-se um desafio complicado para os “branquinhos”, pois a formação insular é sempre muito difícil de levar de vencida, e este domingo a tradição não deve fugir à regra. O Vitória esse, já sabe de antemão, que em caso de triunfo fica apenas 1 ponto da 3ª posição que está em posse do Sporting, por isso o triunfo deixa os conquistadores bem colocados de forma a garantir um apuramento europeu.
Para o jogo com o Nacional, Manuel Machado será obrigado a fazer algumas alterações em comparação ao último jogo com a Académica para a Taça de Portugal. No quarteto defensivo, Ricardo falha o jogo por castigo. João Paulo deve ser o substituto do central cabo verdiano no eixo defensivo, fazendo parelha com Freire.
Na zona intermediária, Clebér por lesão e João Alves por castigo também não podem dar o contributo à equipa.O capitão Flávio Meireles substituirá Clebér, já o reforço Renan deve jogar no lado direito do losango substituindo João Alves. Outra possibilidade é a estreia de João Pedro internacional brasileiro sub-20 emprestado pelo Palermo.
Na frente de ataque, são esperadas alterações isto porque Toscano não volta a encontrar um adversário que “apadrinhou“ a sua estreia no futebol português, e onde o brasileiro apontou um hat-trick. Para o lugar de Toscano, deve entrar o “herói” da última partida frente à Académica, o marroquino Faouzi, que pode transmitir mais velocidade na frente de ataque. Outra possibilidade, pode ser a entrada de Targino, ele que tem jogado pouco, e que estando “fresco” pode ser uma boa solução para esta partida.
Edgar, apesar de mostrar não estar nas melhores condições físicas, deve continuar no onze inicial, se bem que Douglas também poder ser chamado à equipa titular.
O Vitória deve alinhar inicialmente com o seguinte onze:

Adversário: Nacional

A formação insular, vem de duas derrotas consecutivas ante o Benfica na luz e o Porto no dragão. Fora de portas a equipa orientada pelo controverso Jokanovic amealhou dois triunfos em Vila do Conde e Paços de Ferreira, e dois empates um em Alvalade e outro em Olhão.
O Nacional tacticamente, costuma jogar num 1x4x4x2, apostando na consistência defensiva e no poder de choque a meio campo, partindo depois rápido para as transições ofensivas.
No Estádio do Rei, a formação madeirense à imagem de quase todas as equipas que vem jogar ao Berço, privilegiará o contra ataque como forma de tentar levar pontos na “bagagem”.
Inicialmente a equipa de Jokanovic, deve jogar com o excelente guarda-redes brasileiro Bracalli na baliza. Na defesa pela direita jogará o experiente e capitão Patacas, já sem a velocidade doutros tempos. No eixo da defesa jogarão os brasileiros Felipe Lopes central de qualidade, e Danielson um defesa experiente e difícil de bater no jogo aéreo. No lado canhoto, jogará Nuno Pinto lateral rápido e que defende bem.
No meio campo, como médio defensivo jogará Luís Alberto um dos melhores médios da Liga, com grande sentido posicional e muita disponibilidade física. No lado direito do losango estará Bruno Amaro médio lento, mas muito abnegado, e com um remate fortíssimo de meia distancia. No lado canhoto estará Skolnic um esloveno com capacidade técnica acima da média, e que tem uns “pezinhos de lã”.
No vértice mais ofensivo do losango Jokanovic, deve apostar no também esloveno Mihelic, um jogador muito virtuosista.
Na frente de ataque jogará o Angolano Mateus ”falso avançado” veloz e de grande movimentação. O homem mais adiantado será o brasileiro Diego Barcellos jogador tecnicista e sempre à espreita do golo.
Com um jogo à moda antiga, num Domingo à tarde, é de esperar muitos Vitorianos no Estádio do Rei apoiar os branquinhos, rumo a mais um triunfo.
Será preciso muito apoio, de forma a serem conseguidos mais 3 pontos que serão importantes para ser conseguido o objectivo Liga Europa. Por isso todos os Vitorianos ao Estádio.

Força Vitória e Vitória Sempre!

  Categories: