Vitória Vs Leixões (Antevisão)

simbolos antevisão

O Vitória joga este Sábado à porta fechada diante do Leixões, em partida a contar para a 39ª Jornada da Segunda Liga.

Com ténues esperanças em se manter no Segundo Escalão, o Vitória tenta ainda garantir 3 pontos que lhe permitem acalentar algumas esperanças para as 4 rondas que  faltam disputar até final da época.

Para o desafio com o Leixões, Armando Evangelista vai efetuar alterações na Equipa que jogou no passado Domingo na Madeira.

Assim na defesa, Kanú (vai jogar pela Equipa principal), vai ser substituído pelo compatriota Freire (regressa após um período onde esteve lesionado), que fará assim dupla com Josué.

Já na frente de ataque, Fábio Fortes (nas aparições que teve, pouco mostrou) deve sair do 11, e para o seu lugar entrará Índio ou então Diogo Lamelas, ainda assim a aposta deve recair no brasileiro, que é um jogador mais rápido e agressivo no último terço do terreno.

No restante da Equipa não haverão alterações, com o miolo do terreno, a voltar a ser constituído por Siaka Bamba, Bruno Alves e João Pedro (foi o melhor na Madeira, e continua a “crescer” na zona intermediária.

O Vitória venceu na 1ª volta em Matosinhos, e poderá, porque tem qualidade para faze-lo, derrotar novamente o conjunto matosinhense.

Do lado do Leixões, a Equipa tem feito um grande campeonato (principalmente após a entrada de Pedro Correia, que transfigurou completamente a Equipa), e neste momento tenta o 2º lugar, o que lhe permitirá regressar ao escalão maior do futebol nacional.

A nível tático, o Leixões joga num 1x4x4x2 (pode desdobrar-se por vezes num 1x4x3x3, com Calé a surgir no meio dos centrais, e Hernâni e Gonçalo Graça nas faixas), e é uma Equipa que gosta de assumir o jogo, tentando controlar desta forma as partidas.

Na sua Equipa há muita juventude de qualidade (casos de Sequeira, Luís Silva, Moedas e Kizito), e também jogadores experientes  (Nuno Silva, Hernâni, e até Pedras) que ajudam a Equipa a gerir alguns momentos do jogo.

É de prever um bom jogo, e com um desfecho imprevisível, ainda assim, o Vitória já mostrou que pode vencer esta formação de Matosinhos.

O Vitória não merece de todo o último lugar, e nas rondas que faltam jogar, tem que jogar de cabeça levantada, tentando tudo fazer para sair do último posto da prova.

Força Vitória!